Dado o recorrente aumento de ataques cibernéticos no Brasil, evento une governo, indústria e academia na discussão de soluções

Vulnerabilidade. É o que buscam os cibercriminosos mundo afora na hora de fazer suas vítimas, especialmente empresas que podem ter boa parte de seu patrimônio lesado.

E engana-se quem pensa que apenas grandes empresas podem ser lesadas. Pequenas e médias empresas também são alvos de cibercrimes, e o número de crimes tem aumentado no Brasil e no mundo. Dados divulgados recentemente pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM), agência regulada pelo Ministério da Economia, apontam que ataques cibernéticos em empresas brasileiras aumentaram em torno de 220% apenas no primeiro semestre de 2021.

Atento a esse cenário, o Comitê Gestor do Núcleo de Inovação da Fibra (Federação das Indústrias do Distrito Federal), fará um debate no dia 7 de outubro de 2021, às 16h, sobre o tema “Segurança Cibernética nas MPES”. O evento contará com a participação de quatro palestrantes de diferentes áreas –do governo, indústria e academia –, mas que desenvolvem robustos trabalhos em prol da segurança cibernética.

Sandro Suffert, da Apura S/A, é um dos especialistas do evento.

“O objetivo desse evento é trazer um panorama detalhado sobre os perigos e as formas de prevenção contra o cibercrime em pequenas e médias empresas. Esse é um assunto que envolve a representação e interação da tríplice hélice (governo, indústria e academia), pois afeta não apenas o meio privado, como questões de segurança nacional”, explica Sandro Süffert, chairman e CEO da Apura Cybersecurity Intelligence S.A. e um dos palestrantes do evento.

Com quase 30 anos de experiência na área de segurança cibernética, Sandro Süffert tem atuado à frente da Apura S.A., empresa 100% brasileira que desenvolve produtos avançados e serviços especializados em segurança da informação e defesa cibernética, em parceria, mundo afora, com instituições governamentais e empresas privadas.

Outra palestrante do evento é Larissa de Freitas Querino, especialista em Complexo Industrial de Defesa na ABDI (Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial), que tem desenvolvido junto à entidade processos para estruturar, negociar e implementar projetos e agendas de trabalho no setor de Defesa, com parceiros dos setores público e privado e da academia, com a missão de ser indutora da cultura de digitalização da economia.

Representando a academia, o Prof. Dr. Rafael Rabelo é membro da Comissão Acadêmica do Programa de Pós-graduação em Segurança Cibernética da UnB e professor na mesma instituição, onde se dedica a ensinar e pesquisar como a Tecnologia da Informação (TI) pode ser utilizada de maneira estratégica pelas pessoas e pelas organizações, levando em consideração os riscos envolvidos. Com mais de 20 anos de experiência em TI, Rabelo busca na sinergia entre tecnologia e pessoas o motor de transformação das organizações.

Fechando o time de palestrantes, Hiago Kin, presidente da Associação Brasileira de Segurança Cibernética, é também fundador e CEO da Descript, uma das referências no Brasil em segurança digital.

O mediador do evento será Graciomario de Queiroz, diretor de Inovação e Desenvolvimento Tecnológico da Fibra. As inscrições podem ser feitas em: https://lnkd.in/eWG-WpSr

Serviço:

Reunião do Núcleo de Inovação – Debate sobre Segurança Cibernética nas MPES

Data: 7 de outubro de 2021

Horário: 16 horas

Local: Sede da Fibra – SIA Trecho 3 Lote 225 (presencial – vagas limitadas)

Transmissão gratuita será feita pelo canal youtube.com/tvfibra