Espetáculo “Cauby, uma paixão”, interpretado por Diogo Vilela, será transmitido gratuitamente no próximo dia 24

Durante a pandemia, a Pottencial Seguradora, um dos principais players do mercado, tem patrocinado alguns espetáculos virtuais com o intuito de fomentar a cultura e apoiar a geração de entretenimento à população em tempos de distanciamento social. Dessa vez, a empresa oficializou seu patrocínio ao espetáculo “Cauby, uma paixão”, que será transmitido gratuitamente no dia 24 de setembro, às 20h30, pelos dos canais no Youtube do Sesc em Minas (SescemMinasGerais) e do Teatro Claro Rio (TeatroClaroRio) e pelo Canal 500 da Claro TV.. A peça é uma adaptação de Flávio Marinho do famoso musical “Cauby, Cauby”, e conta com Diogo Vilela como protagonista.

A apresentação virtual acontecerá dentro do projeto “Palco Instituto Unimed-BH em Casa”, uma iniciativa da Pólobh, produtora sediada em Belo Horizonte/MG, que conta com o patrocínio do Instituto Unimed-BH e do Programa Sociocultural Unimed-BH, viabilizado por mais de 5,1 mil médicos cooperados e colaboradores, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Tem realização do Ministério do Turismo e Governo Federal, patrocínio da Pottencial Seguradora e apoio cultural do Sesc em Minas e MIP Engenharia, promoção exclusiva da Rádio Alvorada e apoio da Coreto Cultural, Culturadoria, Fredizak, HBA, Jornal O Tempo, Rádio Super Notícia e SouBH.

Após uma programação de sucesso nos meses de junho e julho, que reuniu mais de 240 mil pessoas pela internet e pela TV para assistirem a três excelentes produções do teatro brasileiro (“Os Vilões de Shakespeare”, com Marcelo Serrado, “E Foram Quase Felizes para Sempre”, com Heloisa Périssé, e  “Não Sou Feliz, mas Tenho Marido”, com Zezé Polessa), o projeto segue com a proposta de manter vivos o hábito e a potência do teatro.

Sobre a peça

O roteiro de “Cauby, Uma Paixão” está baseado no espetáculo musical “Cauby, Cauby” e acrescido de novas canções que foram gravadas por Cauby e que habitam o imaginário coletivo até hoje. Com roteiro de Flavio Marinho, o show-teatro-musical percorre a carreira do cantor, pontuada por músicas como “Conceição”, “A Perola e o Rubi”, “Molambo”, “Samba do Avião”, “Eu e a Brisa”, entre tantos sucessos gravados pelo artista que, até hoje, tem um público cativo, que o ama e o faz inesquecível para a cultura brasileira. Para Flavio Marinho, “o espetáculo parte da seguinte premissa: se vivo estivesse, como Cauby reagiria ao fazer um espetáculo nos dias de hoje, em condições tão especiais? No final do espetáculo, veremos que ele está mais vivo que nunca em nossos corações e na nossa lembrança”.